Coisas Legais » Das Amigas » Estilo de Vida

Você é consumista?

18.11.2014 Karla Cunha

objetos_desejo

Você já parou para pensar em como anda o seu consumismo?

Essa pergunta me veio ontem à cabeça, quando li em algum lugar sobre os preços do novo iPhone (de R$3.200 a R$4.400,00), que contam com enormes filas de fãs da marca espalhadas pelo país.

Assim como o celular, outros inúmeros artigos de luxo são alvos do desejo incondicional de pessoas que valorizam o status que esses itens proporcionam.Nesta lista de desejos, entram carros, relógios e produtos em alta entre as it girls de plantão, como a clutch (também conhecida como bolsinha de festa) modelo Lego, da Channel. A bolsa chega a custar módicos R$30 mil e ainda tem uma longa fila de espera aos que desejam comprá-la.

Então gente, será que não estamos perdendo um pouco a noção das coisas?
Tá certo que algumas pessoas têm muita grana e que valores como esses não representam qualquer arranhão no orçamento para elas, mas será que diante da realidade que vivemos em nosso país, dos enormes abismos sociais separando ricos de pobres, isso não é um tanto imoral?

Daí alguns dirão que muitas dessas pessoas já fazem a sua parte pela sociedade, que elas ajudam entidades assistenciais com gordas contribuições e tal, mas não é disso que estou falando, o que eu quero dizer é que todos deveriam se sentir responsáveis ou ao menos incomodados pelos graves problemas enfrentados por nossa sociedade.

Dizer que isso é função do governo, não diminui a nossa responsabilidade social.

Claro que tudo seria mais fácil se os nossos graves problemas de corrupção não existissem, mas estou falando de pessoas sem o mínimo necessário para viver com dignidade enquanto outras ostentam pequenas fortunas por puro exibicionismo.
Sim, cada um sabe o que faz com o que tem, também concordo, mas não deveríamos estar muito mais preocupados e comprometidos com tudo isso que acontece à nossa volta?
Momento de pausa para reflexão  ; )

Enfim, difícil mudar as convicções de alguém já moldado pelo tempo, mas tenho esperanças de que as futuras gerações, desde pequenos melhor informados, tenham essa consciência mais apurada que a nossa. O problema é que as crianças se espelham nos adultos e irão levar para a vida adulta as referências aprendidas na infância.

Você já assistiu a esse vídeo?

“A História das Coisas” ou “The Story of Stuff” é um documentário de 21 minutos de duração, escrito e apresentado por Annie Leonard.
Ele nos alerta para todos os problemas causados por nosso consumismo desenfreado e inconsequente e como podemos reverter essa situação.
E tenho certeza que depois de assisti-lo você vai passar a ver “as coisas” por um ângulo diferente.

 

Sou arquiteta, formada pela Universidade Católica de Santos e pós graduada em Gestão e Tecnologias Ambientais pela Escola Politécnica da USP. Hoje sou sócia da Item 6, escritório especializado em projetos arquitetônicos e paisagísticos que respeita os conceitos sustentáveis e também escrevo em um blog sobre o tema. Além disso, sou mãe, estou sempre na correria tentando conciliar trabalho e vida pessoal, mas sempre feliz em busca de novos desafios.